domingo, 22 de outubro de 2017

Recomeçar...



Vêmo-los chegar. Que expectativas trarão encerradas nos bolsos? Há projetos, há ideias. Há a memória de tempos e tempos ali passados. Volto a sentir os pequenos rangeres daquelas tábuas e a imaginar o que nos darão o corpo desta vez. O que esperarão eles? São cinco, agora. Somos sete, agora. Ainda oiço, em cada canto deste palco, as vozes de outros. E dos Outros. Ainda oiço a música acompanhada pelos projetores que se iam acendendo naquela mesa. As saudades das cabos, das extensões. A diferença dos dias naqueles minutos. Mundos feitos de tentativas. Tantas lágrimas. Tantos sorrisos. Há vidas para além desta. Ele fala na Fénix. Talvez, sim. Que apoios terá este novo Grupo, desta vez? Que vontades o tornarão o que era? 

Homenagear o Teatro. 
Sempre. 

Independentemente do que se passe, homenagear o Teatro. Talvez se voltem a sentar os nossos Deuses e sorrirem quando tudo começar. E tudo recomeça. Porque Somos hYbris. E porque estamos em estado de prontidão.

hYbris Théatron



















Sem comentários: